Praia da Lagoinha do Leste

Praia da Lagoinha do Leste

Praia, costões, lagoa, cachoeira e mata nativa. Esses ingredientes estão todos juntos na Lagoinha do Leste, que esconde seu encanto entre os morros do Sul da Ilha de Santa Catarina.

Há três modos de se chegar à praia, por duas trilhas e por barco. A melhor maneira de chegar à Lagoinha do Leste é a pé por trilha. De carro é impossível, não há estrada. Pode-se também ir pelo mar, com desembarque precário por conta da rebentação. Os barcos que fazem este trajeto são de pescadores do local, que levam e buscam turistas durante o verão. Eles saem do Pântano do Sul e levam cerca de quinze minutos.

Essa relativa dificuldade de acesso tem servido, ao longo do tempo, como escudo protetor do lugar.

Há duas opções de trilha, cada uma com suas vantagens. Para chegar mais rápido e por uma trilha mais tranquila, deve-se pegar a que sai do Pântano do Sul, levando em média uma hora de caminhada, passando pelo meio do mato e dos morros. É o acesso mais utilizado pelos visitantes. A caminhada dá pra suar a camisa, mas também não exige habilidades de alpinista e pode ser encarada sem sacrifício. O chão é pedregoso e irregular, mas fácil de andar se você prestar atenção onde pisa. Depois da subida, tem-se a surpresa de uma vista fabulosa da Lagoinha. Aí é só descer e afundar os pés na areia da praia. A outra trilha sai da Praia do Matadeiro, que é mais longa e de maior dificuldade – com duração de cerca de três horas.

Saiba mais sobre Trilhas de Florianópolis.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta